Um resumo razoável em vídeo

Rádio Matraca - Especial Festival de Iacanga

. . Matéria em setembro de 2010.   Por Laert Sarrumor. Muito bacana!

domingo, maio 21, 2006

História

Em uma fazenda de nome Santa Virgínia, no município de Iacanga, estado de São Paulo, ocorreu uma série de quatro festivais de música nomeado FESTIVAL DE ÁGUAS CLARAS.
A primeira edição ocorreu no ano de 1975. A seguintes foram em 1981, 1983 e 1984, respectivamente.
Participaram oficialmente da 1ª edição, durante 3 dias, em 1975:
. Mutantes
. Som Nosso de Cada Dia
. Terreno Baldio
. Apocalypsis
.Walter Franco
. Ursa Maior
. Moto Perpétuo
. IA2CO
. Tibet Burmah
. Grupo Capote
. Jorge Mautner
. Acaru Raízes
. Corpus
.Mitra
. Marcus Vinicius
. Nushkurallah
. Rock da Mortalha
. O terço
. E, outros convidados especiais
Participaram oficialmente da edição de 1981, dias 04,05 e 06 de Setembro:
.Raul Seixas
.Zé Geraldo
. Gilberto Gil
. Luiz Gonzaga
. Alceu Valença
. Egberto Gismonti
. A Cor do Som
. Moraes Moreira
. Bendegó
. Hermeto Paschoal
. Papete
. Almir Sater
. Duduca e Dalvã
. Consertão
. 14 Bis
. Oswaldinho
. Diana Pequeno
. Novos Valores
(CURIOSIDADE, por Vander Verão: 'depois de Raul, Gonzagão subiu no palco, mas a moçada, gritava por Raul. Gonzagão, para acalmar o povo, disse que Raul estava certo e mandou ver Asa Branca. E aí tudo correu normalmente'
Participaram oficialmente da edição de 1983, dias 02, 03, 04 e 05 de Junho:
. Armandinho e o Trio Elétrico de Dodô e Osmar
. Arthur Moreira Lima
. Egberto Gismonti
. Fagner
. Grupo Premê
. Jorge Mautner
. Sandra Sá
. Moraes Moreira
. Oswaldinho
. Paulinho da Viola
. Paulinho Boca
. Raul Seixas
. Sá e Guarabira
. Sivuca
. Vanderléia
. Walter Franco
. Erasmo Carlos
. Wagner Tiso
. Participação especial de JOÃO GILBERTO
. e, muitos Outros Valores
Ps. Li em 1999, em um jornal de Bauru, uma entrevista do Leivinha sobre o Festival. Nesta, ele diz que "o Festival de Águas Claras foi uma grande quermesse brasileira". Costumo dizer que essa posição é perfeita, completa, rica, certa. Ele acertou na receita do melhor evento que ocorreu no país no gênero musico/cultural. Linda essa expressão!

22 comentários:

Anônimo disse...

Que lindo rever tudo !!!! Eu tenho o maior orgulho de vocês ...que dormiram no sleep-bag e do Leivinha!!Grande Idealizador e Realizador!!!!Bjos na alma de vcs

Rosa disse...

Bjos compartilhados! No comments! Abreijos mil!

Arnaldo disse...

A terceira edição eem 83 não foi em junho ou julho, foi no carnaval, lembra, choveu muuuuuuito.

Rosa disse...

Arnaldo, td bm? Acontece que aqui não está relacionado uma eventual 4ª edição q ocorreu realmente em um carnaval, creio q em 84, época de chuva, eu não estava mas, provavelmente choveu tambem. Em 83 choveu mesmoooo!! rs É inesquecível! Assim q eu tiver as informações corretas a respeito desta 4ª edição, as publicarei, ok bj bj bj

Rose disse...

Falta falar o 1984, no carnaval dessa ano, os dias maravilhosos foram02,03,04,05,06 de março, se quizerem, tenho algumas fotos.

Anônimo disse...

EM 83 OUVIMOS FALAR DESTE FESTIVAL QUE ERA PROXIMO DE NOSSA CIDADE UNS 140 KM E RESOLVEMOS IR ATE LA EU TINHA 17 ANOS E ATE HOJE NÃO ESQUECI DAS LOCURAS QUE PRESENCIEI EU ERA CARETA MAS COSTAVA DE MUSICA NAQUELA OCASIÃO ESTAVA CHOVENDO MUITO BARRO E LAMA ENTRAMOS PRIMEIRO,E FIZEMOS UM ROTA PARA CHEGAR MAIS PROCIMO DO PALCO E ASSIM FACILITAR NOSSO TRAJETO ACAMPAMOS E DEU TUDO SERTO SINTO NÃO AVER MAIS FESTIVAIS COMO ESTE MAS POSSO DIZER EU ESTIVE LA UM GRANDE ABRAÇO RICARDO AGUAS DE SANTA BARBARA. EST. SP

Anônimo disse...

Congratulações, velhos camaradas!!! Fantástica essa iniciativa de resgatar um evento tão nobre, tão intenso,onde reinou a PAZ, a HARMONIA e a LIBERDADE debaixo de muuuita música boa!!!
Eu estive em 1981 e 1983 e foi tudo de bom! Teve depois um reencontro em Sampa, acho que no Palmeiras, que fui tbem! São lembranças assim que fazem a gente se sentir feliz por nossa velha e boa rebeldia!!! hehehehe

Anônimo disse...

GLAUPIN -Poços de Caldas, MG, Viajei em 1981, 12 hs (de carona até Campinas, depois de trem até Bauru e depois de ônibus à Iacanga)com uma febre de 40º só pra naum perder aquele espetáculo... Já tinha ido no de 1981 e sabia que ia ser o bixo! Eu tinha 17 anos e escondi de todo mundo em casa que tava doente para poder ir... Levei remédios e fui... Esqueci os remédios e chapei muito... No outro dia não tinha nada! rsrs Deus era maluco e tava lá!!! rsrs

manoel disse...

muito emocionante ver as fotos e relembrar. fui no de 83. assim que puder foi enviar algumas fotos vlw

BETHO disse...

FUI EM TODAS AS EDIÇÕES. ESTOU FELIZ DE ENCONTRAR PESSOAS QUE TAMBÉM CURTIRAM AQUELA ÉPOCA...
A PRIMEIRA VEZ FUI DE MOTO, FORAM QUASE MIL KILOMETROS DE ITAJUBÁ-MG ATÉ IACANGA-SP DEBAIXO DE CHUVA, MAS VALEU A PENA.

Ranishjii disse...

Estive nos dois últimos e gostaria de saber onde encontrar fotos, clips e documentação da época. Beijones! r.

Regis disse...

Viajei de São José dos Campos algumas horas(em torno de 4hs) para ver este grande festival, foi ótimo, além dos grandes músicos, alguns fatos curiosos, Sandra Sá (antes Sandra de Sá) sendo apedrejada, pessoas transando ao ar livre, e fazendo suas necessidades tb em publico e a coisa mais inesquecivel da minha vida, mais de 12hs em um trem para Sampa onde a maioria invadiu e que havia de tudo dentro, redes montadas entre bagageiros, mulheres cozinhando para todos do vagão com o fogareiro de barraca, onde todos deram o resto do mantimento, pessoas deitadas no bagageiro, sentadas no encosto do banco dividindo o aperto com as barracas jogadas ao corredor, muitos beijos abraços e outras cossitas mas...e após as mais de 12hs onde o trem andava 5km para frente e 4 para tras e após isso tudo a tropa de choque esperando todos descerem do trem na estação da Luz (salvo engano) em São Paulo,mas como todos eram de paz (e pobres tb) não houve choque, esta marivilha já aconteceu há 25 anos atrás.

Sétima disse...

Q lembrança essa Regis .... Tropa de choque! Quase esqueci, rs
Vlw, bjbj

leonardo disse...

Ola td mundo gostaria de saber se alguem tem alguma fita ou dvd de algum show deste festival pois uma parte da minha familia participou e nao esta mais entre nos , alem de ser uma reliquia , mt grato por existir rock rsrsr

Anônimo disse...

por acaso em 83 placa luminosa participou???? não me recordo se era só no som ou se realmente eles participaram....

Sétima disse...

Creio que o Placa não esteve em 83 não

abç

Anônimo disse...

EU QUERIA TER IDO EM DEVE TER SIDO MUITO LOKO MAS BELEZA FICO NAS RECORDAÇÕES PAZ E AMOR A TODOS AE VLW!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Fui em 83, saindo de Monte Sião/MG... me lembro que quando chegamos em Bauru fomos para a rodoviária e havia um movimento para que se baixasse o preço da passagem até Iacanga... me lembro que durante a madrugada foi chegando gente de todo lado, o que obrigou as empresas baixarem os preços... muita correria e muita gente entrando pelas janelas dos ônibus sem pagar nada... no ônibus que eu fui tinha umas oitenta pessoas, muita chuva e um cheiro de mato queimado seu moço, tá cheirando...rssss....

Anônimo disse...

Fui em 83, saindo de Monte Sião/MG... me lembro que quando chegamos em Bauru fomos para a rodoviária e havia um movimento para que se baixasse o preço da passagem até Iacanga... me lembro que durante a madrugada foi chegando gente de todo lado, o que obrigou as empresas baixarem os preços... muita correria e muita gente entrando pelas janelas dos ônibus sem pagar nada... no ônibus que eu fui tinha umas oitenta pessoas, muita chuva e um cheiro de mato queimado seu moço, tá cheirando...rssss....

Anônimo disse...

Também fui em 1983 e prá ficar mais fácil de achar, armei a barraca perto de um mastro com uma bandeira com um desenho da folha de cinco pontas. Toda manhã tinha um cara com uma corneta que tocava o hino nacional enquanto a bandeira ia sendo hasteada, sempre com muitos patriotas em volta, cantando o hino com a mão no coração.kkkkk

Anônimo disse...

QUEM FOI, FOI, QUE NÃO FOI, SÓ UM DOCUMENTÁRIO PRA MOSTRAR O QUE FOI TODA AQUELA LOUCURA. A PARTE RUIM, APESAR DE NÃO TER VISTO NENHUMA VIOLÊNCIA, É QUE TEVE MUITA GENTE COM A BARRACA ARROMBADA. EU FUI UMA DELAS, E O PESSOAL DA ORGANIZAÇÃO DO FESTIVAL DIVULGAVA PELO SOM OS DOCUMENTOS QUE IAM SENDO "ACHADOS". O MEU ESTAVA ENTRE ELES, EM UM DAQUELES SEIS OU SETE SACOS PRETOS ENORMES LOTADOS ATÉ A BOCA DE DOCUMENTOS, CARTEIRAS, CHAVES E UM MONTE DE COISAS "PERDIDAS". AINDA BEM QUE O DINHEIRO, APESAR DE CURTO, TAVA ENROLADINHO COM O ENROLADO. HAJA PERDIÇÃO (SEMPRE!!!).

Ana disse...

Oi, gente... que coisa louca isso.... me veio tudo de uma vez, as sensações, as lembranças... o trem, os baseados, os cobertores coletivos, aquelas bandas que a gente nem sabia de onde saiam... e o lago, os banhos... a vaca... eu tava naquela foto da vaca, em 81. Muito doido! E no fim de tudo, ficamos lá, eu e uns amigos, catando bituca de cigarro do chão, na fissura. Acho que fomos os últimos a ir embora. A gente não queria ir embora... pegamos umas caronas e ainda teve muita história na volta.
Bjs a todos!!!